Jornal O Diário de Maringá

Entrevista dada à repórter Talita Amaral do Jornal o Diário de Maringá sobre os impactos ambientais em reformas.

Fim de ano para muitas pessoas, pode ser o momento ideal para fazer aquela reforma tão esperada. A chegada do décimo terceiro salário deixa mais fácil tirar do papel os projetos acumulados durante o ano, mas não basta ter dinheiro e contratar profissionais para colocar a mão na massa. Segundo especialistas, o projeto arquitetônico é fundamental para diminuir custos e amenizar o impacto ambiental ocasionado pelo setor de construção civil.

De acordo com a arquiteta Karla Cunha, a construção civil é o segmento que mais consome matéria-prima e recursos naturais no planeta, além de ser o terceiro maior responsável pela emissão de gases poluentes na atmosfera. "As consequências das decisões tomadas na elaboração dos projetos se estendem ao longo de todo o ciclo de vida dos edifícios", alerta.

Karla defende que os profissionais entendam que os projetos arquitetônicos podem ser uma grande oportunidade de atuação preventiva e reduzirem o impacto ambiental decorrente de atividades desenvolvidas em um determinado empreendimento.

Confira a matéria na íntegra.